• By Sharon Theimer

Especialista da Mayo Clinic compartilha dicas para que pacientes com COVID longa consigam retornar ao trabalho

19 maio 2022
Jovem engenheira elétrica e homem de negócios com máscaras faciais e coletes de segurança trabalhando com laptop em um parque de turbinas eólicas ao pôr do sol

ROCHESTER, Minnesota — Os sintomas são apenas metade do problema quando se trata da COVID longa, também conhecida como síndrome pós-COVID. A outra metade é por quanto tempo a COVID longa afeta a capacidade de uma pessoa de viver sua vida. O Dr. Greg Vanichkachorn, M.D., diretor do Programa de Reabilitação de Atividades da COVID da Mayo Clinic,  dá dicas de como retornar ao trabalho durante a recuperação.

“Pode ser difícil voltar ao trabalho após qualquer condição médica e isso é especialmente verdadeiro para a COVID longa”, diz o Dr. Vanichkachorn, médico da Divisão de Saúde Pública, Doenças Infecciosas e Medicina Ocupacional da Mayo Clinic. Entre as etapas que podem ajudar, o Dr. Vanichkachorn diz:

Comunique-se

Será difícil para o empregador oferecer suporte se ele não souber como ajudar. Uma comunicação clara com ele  e a equipe médica aumentará a chance de você voltar ao trabalho com sucesso. omo você pode se comunicar com eficiência?

1.  Certifique-se de que o seu empregador receba recomendações de trabalho regulares da sua equipe médica. O Dr. Vanichkachorn sugere o fornecimento de atualizações a cada duas a quatro semanas.

2.  Ao encontrar-se com sua equipe médica para criar as recomendações de trabalho, seja um participante ativo. Afinal, você conhece melhor o seu trabalho.

3.  Fale com o seu empregador regularmente. “Eu sei que pode ser difícil ter esse tipo de conversa. Por mais difícil que possa ser, deixá-lo no escuro por semanas pode apenas piorar a situação”, diz o Dr. Vanichkachorn.

4.  Não espere as consultas agendadas para ajustar as suas recomendações de trabalho. Se você estiver se sentindo melhor e pronto para aceitar mais trabalho, avise a sua equipe médica. “O mesmo vale se as coisas estiverem piorando”, diz o Dr. Vanichkachorn. “Uma comunicação constante é a chave.”

Reformule o trabalho

“Muitos pacientes estão preocupados com o retorno ao trabalho porque estão inseguros sobre o que farão ao se deparar com a carga de trabalho usual e intensa”, diz o Dr. Vanichkachorn. “Pode levar um longo tempo até que o paciente se sinta pronto para voltar totalmente. Por isso recomendamos um retorno gradual ao trabalho.”

Dr. Greg Vanichkachorn
Dr. Greg Vanichkachorn

Por exemplo, se você trabalha normalmente durante oito horas por dia, cinco dias por semana, pode iniciar o retorno ao trabalho com turnos de quatro horas, três vezes por semana, com um dia de descanso entre eles.

O Dr. Vanichkachorn recomenda tentar descobrir se o seu empregador tem vagas especiais chamadas de funções alternativas temporárias. Essas vagas geralmente são menos trabalhosas e projetadas para ajudar funcionários com condições médicas a voltar ao trabalho.

Faça o trabalho de casa

Infelizmente, as funções alternativas temporárias não estão disponíveis para todo mundo e alguns pacientes com COVID longa são orientados a não voltar ao trabalho até que estejam “de volta aos 100 por cento”, diz o Dr. Vanichkachorn. “Isso não é o ideal porque eu acho que ninguém volta ao 100 por cento imediatamente. Nesse caso, você pode ficar fora do local de trabalho por algum tempo.”

Isso não significa que você não possa fazer trabalhos em casa, ele diz. Coisas importantes que todos nós fazemos ao longo do dia, como lavar a roupa, cozinhar refeições e fazer pequenas tarefas, podem simular o trabalho. 

“Eu recomendo encarar as atividades diárias como o seu trabalho. Ao fazer isso, você e sua equipe de saúde poderão estimar melhor os tipos de atividades que você poderá fazer ao retornar ao trabalho”, ele diz.

Foco no funcionamento

Com frequência, os pacientes querem estar sem dor e voltar para onde estavam antes da COVID, diz o Dr. Vanichkachorn.

“Apesar de entender esse desejo e de uma das minhas vocações na medicina ser ajudar no sofrimento, esse objetivo pode ser difícil de alcançar. Em vez disso, eu recomendo que os pacientes foquem em melhorar suas funções”, diz o Dr. Vanichkachorn. “Quando voltar ao trabalho, você poderá encontrar novos desafios e até um desconforto. Mas com o tratamento e as novas estratégias de gerenciamento, você poderá superar essas barreiras e voltar ao trabalho.

Pessoas com COVID longa podem se conectar a outras e compartilhar dicas e sucessos de recuperação no Grupo de Apoio à COVID-19 e Recuperação Pós-COVID da Mayo Clinic.

###

Sobre a Mayo Clinic
A Mayo Clinic é uma organização sem fins lucrativos comprometida com a inovação na prática clínica, educação e pesquisa, fornecendo compaixão, conhecimento e respostas para todos que precisam de cura. Visite a Rede de Notícias da Mayo Clinic para obter outras notícias da Mayo Clinic.

Contato de mídia:
Sharon Theimer, Relações Institucionais da Mayo Clinic, newsbureau@mayo.edu