• By Sharon Theimer

Cinco maneiras pelas quais pacientes imunocomprometidos podem se proteger da COVID-19

9 novembro 2021
uma mulher negra de meia-idade ou talvez latina, usando um lenço na cabeça por causa da quimioterapia

ROCHESTER, Minnesota — Conforme as famílias se reúnem para as festas de final de ano, é importante que os pacientes imunocomprometidos tomem medidas extras para ajudar a se proteger da COVID-19. Pessoas com o sistema imunológico enfraquecido correm maior risco de adoecer gravemente com a COVID-19. Isso inclui pessoas com câncer ou que fizeram transplantes e estão tomando medicação imunossupressora, bem como pacientes com HIV/AIDS avançado e não tratado. O Dr. Raymund Razonable, M.D., médico de doenças infecciosas da Mayo Clinic em Rochester, Minnesota, compartilha cinco medidas que esses pacientes podem tomar para reduzir o risco de contrair COVID-19:

  • Vacine-se

“A medida mais importante que os pacientes imunocomprometidos podem tomar para se protegerem da COVID-19 é se vacinar”, diz o Dr. Razonable, que trabalha com pacientes transplantados. “Também é extremamente importante que os pacientes que receberam uma vacina de mRNA recebam uma terceira dose para ajudar a melhorar sua resposta imunológica ao vírus.”

Estudos mostram que a vacinação reduz o risco de doenças graves, hospitalizações e morte causadas pela COVID-19.

  • Peça a amigos e familiares para se vacinarem

É especialmente importante que as pessoas com o sistema imunológico comprometido peçam à família, amigos e outras pessoas em seu círculo para se vacinarem contra a COVID-19. As pessoas vacinadas têm menos probabilidade de disseminar a COVID-19 em comparação com as não vacinadas.

  • Lembre-se de usar máscara, lavar as mãos e praticar o distanciamento social

Não subestime os benefícios de seguir medidas básicas de saúde pública. Os especialistas recomendam que pacientes imunocomprometidos usem máscara em ambientes públicos e com pessoas que não moram em suas casas. Manter uma distância de pelo menos dois metros das pessoas também ajuda a limitar a chance de adoecer. Lavar as mãos com frequência é outra forma de garantir a proteção.

  • Acompanhe a contagem de casos da COVID-19 na comunidade local

Para pessoas com o sistema imunológico enfraquecido, conhecer as tendências dos casos de COVID-19 em sua comunidade pode ajudar na decisão sobre os riscos associados a várias atividades. Vários sites têm mapas com números atualizados de casos de COVID-19.

  • Caso seja exposto à COVID-19, não espere para entrar em contato com seu médico

Os pacientes imunocomprometidos expostos à COVID-19 devem entrar em contato com seus médicos imediatamente para informá-los. Os pacientes podem ser considerados para tratamento com anticorpos monoclonais como uma medida preventiva para reduzir o risco de doença grave de COVID-19. A primeira dose deve ser administrada no prazo de cinco dias após a exposição à COVID-19.

###

Sobre a Mayo Clinic

A Mayo Clinic é uma organização sem fins lucrativos comprometida com a inovação na prática clínica, educação e pesquisa, fornecendo compaixão, conhecimento e respostas para todos que precisam de cura. Visite a Rede de Notícias da Mayo Clinic para obter mais informações sobre a Mayo Clinic.

Contato de mídia:

Heather Carlson Kehren, Relações Institucionais da Mayo Clinic, newsbureau@mayo.edu